China pode dar vacinas contra Covid-19 antes de concluir testes

Informação foi confirmada por Gao Fu, chefe do Centro de Controle e Prevenção de Doenças

0

Mesmo sem os testes concluídos, a China está trabalhando em um plano para dar a alguns grupos uma vacina contra o Covid-19 até o final do ano. A informação foi confirmada por Gao Fu, chefe do Centro de Controle e Prevenção de Doenças do país, ao jornal South China Morning Post.

Gao Fu é um imunologista e virologista que obteve doutorado na Universidade de Oxford e fez pós-doutorado na Universidade de Harvard, esteve pessoalmente envolvido na busca pelas espécies intermediárias que transmitiram o coronavírus causador da doença. Ele disse que o Programa Nacional de Imunização está elaborando diretrizes para determinar quem seria elegível para receber a vacina. “O Programa Nacional de Imunização está prestando muita atenção e estudando quais grupos da população podem tomar as doses, quando tomá-las e o que pode constituir uso emergencial de vacinas”, disse o chefe.

“Acredito que decidiremos com base em situações específicas, pois não seguiremos o protocolo usual, caso contrário, o tempo será perdido. Também não podemos [decidir] com base em nosso conhecimento de coronavírus, porque o vírus é muito único”, disse Gao.

A vacinação é amplamente vista como a única solução médica viável que pode acabar com a pandemia do Covid-19, que já infectou mais de 5,3 milhões de pessoas e matou mais de 340.000 em todo o mundo.

“As vacinas não são para o público em geral, mas para grupos especiais. À medida que a epidemia se desenvolve, certos grupos do público em geral podem se tornar grupos especiais”, acrescentou Gao.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Fale com a gente