Dexametasona pode salvar vidas de pacientes graves com Covid-19, diz OMS

0

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estabeleceu cinco novas diretrizes para os países enfrentarem a pandemia do novo coronavírus. Uma delas, segundo o diretor-geral Tedros Adhanom Ghebreyesus, é o uso do corticoide dexametasona em pacientes graves. A afirmação foi feita nesta segunda-feira (29).

“Identificação precoce dos infectados e cuidados clínicos precoces salvam vidas. Dar oxigênio e dexametasona a pessoas com casos graves da covid-19 salva vidas. Dar atenção aos grupos de risco, inclusive aos idosos e pessoas de cuidados prolongados, também salva vidas”, afirmou Tedros, alertando que a pandemia ainda está longe de acabar.

“Todos queremos o final disso. Todos queremos que a vida continue. Mas a dura realidade é: não estamos nem próximos do final. Embora vários países tenham progredido, globalmente a pandemia está acelerando”, disse.

Empoderamento das comunidades, supressão da transmissão, aceleração das pesquisas e liderança política, são as outras quatro diretrizes colocadas pela OMS.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Fale com a gente