Putin ordena que Rússia inicie vacinação em massa contra covid-19

Fonte: Reuters

0

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, ordenou nesta quarta-feira que as autoridades russas iniciem vacinações voluntárias em massa contra a covid-19 na semana que vem, e o país registrou 589 mortes diárias novas de coronavírus.

A Rússia terá produzido 2 milhões de doses de vacina nos próximos dias, segundo Putin. No mês passado, o país disse que sua vacina Sputnik V tem 92% de eficácia na proteção contra a Covid-19, de acordo com resultados preliminares.

“Vamos concordar nisto: você não me dará notícias na semana que vem, mas iniciará uma vacinação em massa… vamos nos pôr a trabalhar já”, disse Putin à vice-primeira-ministra, Tatiana Golikova.

Golikova disse que uma vacinação em larga escala poderia começar em dezembro de forma voluntária.

O aumento de infecções desacelerou desde que atingiu um novo pico no dia 27 de novembro, e 25.345 casos novos foram relatados nesta quarta-feira. A Rússia resistiu a impor lockdowns durante a segunda onda do vírus, preferindo restrições regionais específicas.

Somando 2.347.401 infecções, a Rússia tem o quarto maior número de casos de Covid-19 do mundo, ficando atrás de Estados Unidos, Índia e Brasil, e acumula 41.053 mortes relacionadas à doença desde o início da pandemia.

Mais cedo, o Kremlin garantiu que os russos serão os primeiros a serem vacinados, e Moscou também debate acordos de suprimento com outros países.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Fale com a gente