MP pede que município de Igaporã distribua merenda escolar para estudantes durante pandemia

0

O Ministério Público da Bahia, por meio do promotor de Justiça Jailson Trindade Neves, acionou a Prefeitura de Igaporã para que os gêneros alimentícios já adquiridos ou que vierem a ser adquiridos em processos licitatórios sejam distribuídos pela administração municipal aos estudantes durante a pandemia do coronavírus.

“O Município deve observar todas as medidas de segurança quanto à prevenção do contágio do Covid-19, adotando, por exemplo, um sistema de rodízio e descentralização no processo de entrega, bem como acompanhamento e fiscalização por parte do Conselho  de Alimentação Escolar (CAE)”, destacou o promotor de Justiça Jailson Trindade.

Na ação, o MPBA requer também que a administração municipal faça a distribuição dos alimentos de forma a evitar aglomerações de pessoas e proibindo, por parte dos beneficiários, a venda dos alimentos ou a sua destinação a finalidade diversa que não seja a alimentação dos alunos. Além disso, o município deve apresentar ao MP os extratos relativos aos recursos provenientes do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) que se encontram disponíveis em conta específica.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Fale com a gente