Prefeito e vice de Barra da Estiva são condenados pelo TCM

0

O prefeito de Barra da Estiva, João de Didi (PTB), e seu vice, Son Martins (PSL), foram condenados pelo Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão desta terça-feira (9), pelo recebimento de diárias com valores elevados e sem justificativas razoáveis ao longo dos exercícios de 2017 e 2018. A denúncia foi apresentada por vereadores oposicionistas.

De acordo com o relatório, de um total de R$ 94 mil gastos com diárias pela Prefeitura de Barra da Estiva no período, o prefeito chegou a receber R$ 34 mil, enquanto o vice recebeu algo em torno de R$ 14 mil.

Por conta disso, o relator do processo, conselheiro substituto Cláudio Ventin, multou o gestor em R$ 2,5 mil. Ventin determinou ainda que o prefeito e o vice ressarçam os cofres municipais do total de R$ 94.260,00, com recursos próprios.

Ademais, por sugestão do conselheiro Paolo Marconi, o pleno aprovou a formulação de representação ao Ministério Público Estadual, para que seja apurada a prática de ato de improbidade administrativa. A decisão cabe recurso.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Fale com a gente