TCE-BA condena ex-prefeito de Ponto Novo a ressarcir município

0
Foto: Reprodução

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA) desaprovou, nesta terça-feira (21), a prestação de contas da quarta parcela do convênio 261/2010 (Processo TCE/002733/2019), firmado pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) com a Prefeitura de Ponto Novo.

Os conselheiros decidiram que o ex-prefeito Adelson Carneiro Maia será obrigado a devolver R$ 8.983,30 aos cofres públicos, com recursos próprios. Por conta das irregularidades, o ex-gestor também foi multado em R$ 3 mil.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Fale com a gente