Edvaldo Nogueira falta debate da Lide em Aracaju e delegada Danielle usa tempo para apresentar propostas

0

Candidato a reeleição em Aracaju (SE), o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) não apareceu no debate organizado pelo Grupo de Líderes Empresariais de Sergipe – Lide, nesta quinta-feira (19). Já sua adversária, delegada Danielle Garcia (Cidadania), marcou presença e criticou a ausência do gestor.

“Lamento que o meu adversário não tenha comparecido a este debate. Essa seria uma grande oportunidade para a gente poder discutir olho no olho as nossas propostas. Infelizmente vai ficar para uma outra oportunidade, isso se tivermos debates até o final do segundo turno. Eu já confirmei presença e estarei em todos que fui convidada”, afirmou.

Danielle aproveitou tempo para apresentar suas propostas. “Estruturamos nosso programa de governo em quatro eixos: gestão, desenvolvimento econômico, cidade sustentável e da inclusão e cidadania. Criamos um plano factível, com ações que serão desenvolvidas em cada área para beneficiar a população. Para isso, será montado um secretariado técnico”, enfatizou.

Danielle Garcia também respondeu às perguntas elaboradas por jornalistas renomados e pela classe empresarial. Entre eles, a geração de empregos na cidade. “Desenvolvimento econômico requer algumas premissas. Mão de obra qualificada, infraestrutura, dinheiro circulando e segurança tributária. Infelizmente não temos isso em nosso município. Por isso, vamos criar a secretaria de desenvolvimento econômico, que vai trabalhar em diversas frentes”, detalhou.

“Garantir o acesso ao microcrédito, por meio de um fundo de aval. Atuar fortemente em nossa estrutura, pois isso afeta a atração de indústrias e o turismo em nossa cidade. Teremos também uma agência de fomento para captar recursos, inclusive no exterior. Por meio da Fundat, promoveremos a qualificação da mão de obra para atender a demanda dos diversos setores”, complementou.

A candidata também destacou a necessidade de uma reforma tributária e desburocratização de processos. “Com a diminuição de alíquota para setores importantes incentivar o desenvolvimento para a geração de emprego e renda. Precisamos facilitar também o processo de abertura regularização de empresas, criando a Casa do Empreendedor, onde seriam disponibilizados todos os serviços necessários. Além de iniciativas como o IPTU Empreendedor, o IPTU Verde”, pontuou.

Outro ponto destacado foi a revitalização do Centro Comercial. “É uma das preocupações que nós temos. Podemos fazer essa revitalização por meio de Parcerias Público-Privadas – PPPs, para trazer vida para o Centro da Cidade e torná-lo atrativo, com melhoria da infraestrutura e garantia de segurança para os aracajuanos e turistas”, destacou.

Danielle salientou que está preparada para ser prefeita de Aracaju. “Estudei o Município, seus dados. Sei que é possível fazer uma gestão diferente e que podemos fazer muito mais pela nossa cidade. Por isso, quem quiser que as coisas continuem do jeito que estão, vão votar no candidato que não compareceu ao debate, mas quem quer a mudança de verdade, vota no projeto de Danielle Garcia prefeita 23”, finalizou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Fale com a gente